O Novo Corona vírus no mundo

O Novo Corona vírus no mundo

Então, você pensa que ao acabar o Natal e Carnaval o nosso País iria começar? Pois eu pensei e já estava fazendo meus planos de cursos novos, voltar a estudar coisas, trabalhos, enfim…

Então o vírus no mundo, o Corona vírus, o Novo Covid.

Ao responder e-mail algumas pessoas me perguntavam por isso e eu nem se quer imaginava o que seria, com o passar do tempo e com algumas alunas,  fui entendendo até chegar o dia que comecei a chorar quando fui obrigada a fechar as portas e aguardar em casa como todos a epidemia passar.

O medo de tudo como todo mundo, minha vida a insegurança do futuro as despesas, o isolamento, minha carreira profissional, as pessoas e o que eu devo no mercado…

Meu Deus e agora o que faço?

Esse pensamento já veio a minha mente outras vezes (perguntar a Deus o que fazer) e sentir ao mesmo tempo que eu temia, uma segurança que tudo se resolve pois não estou sozinha, tenho Deus comigo. Tudo passa.

Então bora confeccionar máscaras. Vender, doar, usar…

Então o tempo foi se passando, eu em casa, muitas vezes sentia angústia, vazio interior…

Então falava com amigos ao telefone, parentes, negociava dívidas, as vezes não sabia o que fazer depois ficava calma e conversava para encontrar a solução…

Tenho 3 gatas e sinto um amor muito grande de consolo vindo delas.

Sabe quando se é pego de surpresa e não tem reserva grande de dinheiro? A ameaça de sujar meu nome na praça, de dever as pessoas que precisam assim como eu…

Sabe desespero? Noite sem dormir e ao amanhecer sentir calma?

Tudo confuso, os jornais só falando em mortes, brigas na política, desemprego gigante, tanta insegurança…

Desculpa meu desabafo mas além das pessoas estarem mais solidárias, encontrei algumas pedras no caminho mas não desisto (já passei por muitos desafios nesta vida e não desisti). É momento de oração, de pedir a Deus por todos, pela minha situação, pela situação do mundo.

Quanta desigualdade! Quanta maldade ao ver que até na maior dor que as pessoas estão passando ainda tem políticos desviando recursos.

Em meio a tanta dor  tudo de ponta cabeça. Como se cada pessoa tivesse que aprender a viver uma nova vida. Esse isolamento é conviver com seus monstros internos e saber acalmar eles e saber se renovar pra melhor.

Um dia de cada vez e pensar no que sou e não o que tenho.

O que adquiri de conhecimento e o que fui para as pessoas e pro mundo que vivo. Como posso melhorar nesse período, deixar um pouquinho de sentir insegurança e fazer planos para uma vida feliz.

Parece que já faz tanto tempo que estamos em casa e nem tudo é ruim.

Sabe aquelas coisas que você nunca tinha tempo de fazer, agora pode.

É o momento que descobrimos amigos. E também de desfazer de gente chata e grosseira.

As atitudes mostram os amigos, Dilnei (programador e marketing do ateliê, Ana professora de desenho de moda, minha irmã Sandra e tantas outras pessoas mais que queridas…

Só o que me resta dizer é obrigada Deus por estar viva.

Eliane Santos

Deixe uma resposta